Ir para conteúdo

Final de semana em Melbourne

Melbourne foi uma viagem em cima da hora que fizemos sem nenhum planejamento e eu não tinha nenhuma expectativa. Claro que a gente lê toda hora que é uma das melhores cidades para morar no mundo, mas chegamos lá sem saber os pontos principais para visitar… O que foi ótimo! A gente simplesmente decidiu tudo na hora, tiramos aquele peso dos “top 10 lugares para visitar em Melbourne”. No final foi uma viagem tranquila de apenas 3 dias e aqui as coisas que mais curtimos:

A Redondeza do Queen Victoria Market

O Queen Victoria Market é um lugar que qualquer site de turismo vai te indicar e se você gosta de comidinhas e garimpos vale a pena passar por lá. Caso você não curta, vale a pena passar mesmo assim porque a redondeza do mercado é cheia de coisas interessantes para ver.

Processed with VSCO with a7 preset
Esse bus estava do lado de fora do mercado vendendo donuts quentinhos e feitos na hora, a fila era enorme e para ser perfeito só se eles vendessem um cafézinho.
Processed with VSCO with a7 preset
Books for Cooks é uma livraria especializada em vinhos, culinária e tudo do ramo da gastronomia. Tem livros velhos e novos, mas muito aconchego. Dá vontade de passar a tarde por lá | 115-121 Victoria St Melbourne VIC 3000 – site.
Processed with VSCO with a7 preset
Fachada da Book For Cooks que fica do lado do Queen Victoria Market.
Processed with VSCO with a7 preset
Queen Victoria Market: lugar perfeito para quem gosta de comidas frescas e variedade. Tem tanta coisa nesse mercado que tem que ir com tempo e fome! Almoçamos e tomamos café por lá. A redondeza do mercado também é bem legal e vale a pena dar uma caminhada por lá.

Arte de Rua

Melbourne é cheia de cores, becos sem saída e muita, mas muita arte de rua. Esse post da Time Out nos ajudou bastante a saber por onde caminhar, mas a dica aqui é: se perde. Melbourne tem um clima mega agradável e muitos cafés perdidos pelos bairros – aliás a cultura do café em Melbourne é coisa muito sério. Pega um café to go e só caminha.

Processed with VSCO with a7 preset

Processed with VSCO with a7 preset

Processed with VSCO with a7 preset

Processed with VSCO with a7 preset

Comes & Bebes

Como disse antes, a cultura do café em Melbourne é coisa séria. Dito isso, não tem como errar na hora de escolher um lugar para parar e tomar algo quentinho. Nós visitamos os seguintes cafés: Market Lane, Dukes at Ross House, Brother Baba Budan e Ganache.

Na parte dos restaurantes nós amamos o Cumulus que é um restaurante australiano que tudo que se preza a fazer é bom, fica aberto todos os dias da semana desde o café da manhã até o jantar, vale a pena reservar no entanto se você quiser curtir porque é bem movimentado.

Também fomos à Osteria Ilaria que foi uma bela surpresa! Simplesmente entramos porque o cheiro da comida estava na calçada e quando fomos ver é um dos restaurantes mais recomendados de Melbourne. No mais, queríamos bastante ter ido ao Attica, mas a viagem foi bem espontânea e não conseguimos reservar.

Processed with VSCO with a7 preset
Café no Duke at Rosse House
Processed with VSCO with a7 preset
Mesa no Cumulus

Natureza

Fiquei encantada pela natureza que encontramos não só na cidade, mas nos arredores. Viajamos bem no outono e a casa da foto (que fica pertinho do Royal Botanic Gardens) abaixo descreve a mágica que essa estação faz pairar na cidade.

Processed with VSCO with a7 preset

As bathing boxes são o cartão postal da cidade de Melboure, mas não tem nada mais legal que vir aqui no final da tarde para ver o sol se por e observar como as casinhas deixam tudo mais colorido pela orla de Brighton.

Processed with VSCO with a7 preset

E obviamente uma viagem a Melbourne sem uma volta pela Great Ocean Road não é uma viagem completa a Melbourne. Na real essa estrada tem mais de 240km e bem conhecida por ser, talvez, a estrada mais cênica da Austrália. O grande atrativo viajando desde Melbourne é chegar no Twelve Apostles (foto abaixo) que são estruturas de pedras gigantes de pedra calcária que se formaram a mais de 20 milhões de anos e que com o passar do tempo vão se corroendo.

Pertinho do Twelve Apostles vale muito a pena conhecer o Lord Arch George, London Arch, Port Campbell e Kennet River para ver coalas selvagens :).

Processed with VSCO with a7 preset
Twelve Apostles
Processed with VSCO with a7 preset
Lord Arch George
Processed with VSCO with a7 preset
Bay of Islands
Processed with VSCO with a7 preset
Vista de um dos mirantes
Processed with VSCO with a7 preset
Vista da estrada

Melbourne é uma cidade encantadora que vale mais do que um finde com certeza, hehe e já quero voltar 🙂

Siga @amandamormito.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: